Severo Snape, professor de Hogwarts

0 Comments
Severo Snape, professor de Hogwarts

Depois da morte de Lílian, Snape conseguiu o lugar de professor de Poções em Hogwarts, com o juramento de proteger Harry, mas esse não era propriamente o seu desejo, pois a cadeira que ele gostaria de ocupar era a de Defesa Contra as Artes das Trevas, e Dumbledore com toda a certeza não permitiria que um provável Comensal da Morte ensinasse essa matéria aos alunos da escola, por mais capacitado que fosse mas no sexto livro ele conseque o cargo de professor de defesa contra as artes das trevas. Aliás especialmente sendo tão capaz. Assim, ele lecionou Poções em Hogwarts durante quinze anos.

Severo Snape se tornou um homem desagradável. Sempre usou sua posição como professor para maltratar os alunos de quem não gostava. Ele é vingativo e capaz de guardar mágoas por muito tempo. Todos na escola o detestam e ele não procura fazer nada para mudar a situação.
Por outro lado, ele tem uma série de habilidades: é um excepcional preparador de poções, e um dos únicos bruxos no mundo capacitado em Legilimência e Oclumência. No quinto ano de Harry em Hogwarts, Snape é incubido da função de ensiná-lo Oclumência com a função de bloquear a mente de Harry contra Voldemort. Também foi no sexto ano que ele demonstrou (ou não) ser totalmente fiel á Dumbledore, matando-o no capítulo "A Torre Atingida Pelo Raio".

Snape é capaz de preparar, dentre outras, a Pação Mata-Cão (ou, no sexto livro, Poção do Acônito), que retarda e restringe os efeitos da lua cheia nos Lobisomens.

Essa poção foi essencial para que Remo Lupin lecionasse em Hogwarts.


Tecnologia do Blogger.