As bruxas são nossas rainhas. E essas são as lições que nós aprendemos de vida delas.

Texto: Pottermore | Tradução: Clara Monnerat

Você não tem que fingir ser menos esperto do que é-Hermione Granger

Desde aquele primeiro dia em Hogwarts, havia apenas uma mão levantada. A inteligência e a sede de conhecimento instantaneamente ganhou vários professores e faturou um raro sorriso da professora McGonagall. Mas outros não estavam impressionados. O professor Snape ficou famoso por chamar Hermione de ´´uma irritante sabe-tudo e o discurso inflamado sobre a pronunciação de ´´Levi-o-a´´ quase arruinou qualquer potencial de amizade.

Embora fosse mais fácil para Hermione pegar um lugar no fundão da sala, estamos tão felizes que ela tenha se mantido firme. Ou ela não seria Hermione. Ao invés disso, ela continuou a elevar o nível para mulheres bruxas e nascidas trouxas de toda parte.


Não deixe que ninguém te estereotipar-Gina Weasley

"Você é jovem demais" deve ter sido uma frase que Gina deve ter ficado de saco cheio de ouvir. Depois de sua experiência com Voldemort, ela rotulada como vítima mas não demorou muito para que ela emergesse como uma bruxa guerreira e mestre da Azaração. 

Apesar de ter sido avisada para se manter segura para se manter longe do problema, Gina lutou valentemente no Departamento de Mistérios, na Torre de Astronomia e a Batalha de Hogwarts, apesar do que a mãe dela pode ter pensado a respeito disso. Ela sabia que era capaz depois de todo aquele esforço na Armada de Dumbledore (um nome inventado por ela).

Gina surpreendeu seus irmãos com seu talento no campo de Quadribol, tendo pegado suas varinhas em segredo e praticado escondida por anos.  Ela também demonstrou grande paciência ao superar seu crush de adolescência em Harry e namorando outros garotos, o que curiosamente acabou atraindo o garoto no final. Em suas próprias palavras: "Tudo é possível desde que se tenha coragem."


Expresse-se da maneira que quiser, não importa o que os outros pensem

Quando nós conhecemos Luna pela primeira vez, ela estava lendo uma revista de cabeça para baixo e usando um colar feito de rolhas de cerveja. Ninguém teve que perguntar como ela conseguiu o apelido "Di-lua Lovegood". Mas antes que a conhecêssemos a fundo, vimos que Luna era uma adolescente gentil, criativa e acima de tudo, feliz com quem ela era.

Os alunos implicavam com Luna, pregando preças como esconder seus pertences no último dia do período. Mas nunca parecia colocá-la para baixo. Ao invés disso, ela continuou fazendo as coisas de que ela gostava: falando sobre Bufadores de Chifre Enrugado, comentando as partidas de Quadribol e fazendo suas próprias bijuterias.  Seu jeito prático e distraído de pensar veio a ser útil para Harry, que encontrou em Luna sua única fonte de consolo para conversar após a morte de Sirius. Todos nós podemos aprender com o exemplo de Luna - ande de cabeça erguida, seja você mesmo e use aqueles brincos caseiros de rabanetes orgulhosamente.


Mantenha a cabeça fria quando seus colegas testarem sua paciência

A Professora McGonagall pode ser conhecida por ser rígida mas sua atitude sem-noção foi bem valiosa durante o tempo dela em Hogwarts, especialmente quando ela teve que trabalhar com pessoas do tipo da Umbridge e os Carrow. Ao ver suas abordagens em relação ao ensino deve ter sido incrivelmente frustrante, especialmente para alguém tão devotado a ensinar a jovens mentes. Deve ter sido necessário toda a força de McGonagall para não chama-los de idiotas falantes e transfigurá-los em um pudim de lodo na hora.

Mas quando tudo estava resolvido, o histórico impecável de McGonagall como professora de Transfiguração, professora-chefe da Grifinória e Diretora de Hogwarts continuou imaculada. Como deveria ser.


Trabalhe duro mas se divirta também-Ninfadora Tonks

Ela pode ter tirado de letra a matéria de Dissumulação e Disfarce  (uma tarefa fácil para uma metamorfomaga) mas não há dúvida de que Tonks tenha realmente se esforçado na sua carreira, que ela conseguiu tão cedo. Sério, um mínimo de 5 N.I.E.M.Ts com notas iguais ou superiores a Excede Expectativas ? E isso antes do treinamento intenso que deve ser completado para se tornar um Auror. É exaustivo apenas em pensar nisso. 

Mas Tonks nunca esqueceu de se divertir. Ela era uma bagunceira assumida na escola, adorava fazer piadas com Harry e seus amigos e aquelas caras engraçadas a tornavam a cara e a alma das festas. Faz bem se descontrair de vez em quando.  Então depois de um dia duro de trabalho ou estudo, por que não pintar seu cabelo rosa-chiclete e ir para o equivalente a um show trouxa das Esquisitonas? Você merece!


Embora os outros podem duvidar de você, não duvide de você mesmo - Fleur Delacour

Talvez fosse inveja ou talvez fosse alguma característica do sangue de Veela que as espantasse mas Fleur raramente estava cercada de fãs do sexo feminino. Pelo contrário, de fato-ela rapidamente ganhou o nome de Fleuma quando começou a namorar Gui Weasley, assim como a de ser superficial. E às vezes, Fleur era um pouco sem tato.

Mas não iremos esquecer que Fleur não era apenas uma bela, meio esnobe, aluna de Beauxbatons mas também uma bruxa talentosa e uma campeã do torneio Tribruxo. O Cálice de Fogo não escolhe qualquer um, você sabe disso. A sua atitude determinada a levou a trabalhar para a Ordem da Fênix e quanto mais a conhecemos, mais percebemos o quão forte ela é. Ao longo do caminho, ela ganhou o respeito de todos aqueles que duvidavam dela. E, sendo Fleur Delacour, ela ficou feliz por ser "bonita o bastante por nós dois" quando seu amado Gui foi atacado por Greyback.

Deixe os tolos te subestimarem por sua própria conta e risco-Molly Weasley

Molly não era apenas uma dona de casa toda maternal, que só limpava e cozinhava. Ela era uma dessas coisas e também uma mãe de sete filhos e uma bruxa notável que matou ninguém menos do que Belatriz Lestrange.

No momento em que Gina foi ameaçada, Molly lutou de igual para igual com uma das bruxas das trevas mais perigosas de todos os tempos, atingindo a adversária enfraquecida em um duelo em uma onde de fúria maternal. E houve comemoração após isso. Bela, qual parte de "NÃO A MINHA FILHA, SUA VACA!" você não entendeu ?

Até aquele ponto nós a tínhamos visto duelar mais com pratos do que com Comensais da Morte mas sabíamos que a Sra.Weasley não era uma mulher para se mexer (apesar de ela realmente ser uma exímia cozinheira).

Suas broncas e seus Berradores mostravam sua tolerância zero para atitudes sem-noção, além de sabermos que ela amava suas crias com a ferocidade de um Rabo-Córneo Húngaro. Ela pode ter chorado quando um Bicho-Papão que imitou sua família morta mas quando chegou a hora de defender sua prole, Molly não hesitou porque sua força interior estava lá dentro o tempo todo.


Texto por: Michelli Mortari
Elas são meigas, gentis, delicadas. São guerreiras, são fortes, são bravas. Umas são mães, outras titias, ou ainda, apenas filhas. Há aquelas que são altas, as que são baixas, as femininas e as que são brutas.

Mas todas são mágicas, maravilhosas e Bruxas.
Mulheres por inteiro, mulheres de valor.
Mulheres românticas, mulheres de amor.
Elas lutam, e são até capazes de matar.
São leoas, ou víboras, mas não se deixam levar.
Na história, deixaram suas marcas, de bravura, de doçura.
E para nós, aquele gostinho inesquecível de uma boa leitura.

Parabéns a todas as mulheres bruxas que ao longo dessa década nos inspiraram e nos encantaram.

Hoje é o aniversário dela! À nossa louca por pudins, Luna Lovegood, que está completando 38 anos! 

Luna nasceu em 13 de fevereiro de 1981. Quando tinha apenas nove anos de idade, sua mãe, Pandora Lovegood, que segundo a própria Luna era uma bruxa extraordinária, veio a falecer ao fazer um experimento mal sucedido. Luna acabou sendo criada pelo seu pai Xenofílio Lovegood. Luna testemunhou a morte de sua mãe e, portanto é capaz de ver testrálios. Em 1992, Luna começou a estudar na escola de Hogwarts e foi selecionada para a casa Corvinal. Durante os tempos de escola, ela ficou amiga de Gina Weasley, que estava no mesmo ano que ela, embora na Grifinória.

Luna provou-se ser uma bruxa muito hábil e talentosa. Ela foi capaz de conjurar um corpórea Patrono com a idade de quatorze anos, que é uma forma muito avançado de magia, e a prova de que ela possuía habilidade mágica superior.

Ela participou e sobreviveu à Batalha do Departamento de Mistérios com não mais do que alguns ferimentos leves. Ela saiu da Batalha da Torre de Astronomia, sem grandes ferimentos. Durante a Batalha de Hogwarts, ela duelou contra a mais poderosa serva de Lord Voldemort, Belatriz Lestrange, contra quem lutou juntamente a Hermione Granger e Gina Weasley.

Luna co-liderou o Armada de Dumbledore, juntamente com seus amigos, Gina Weasley e Neville Longbottom. Sua liderança foi tão eficiente que ela foi sequestrada em uma tentativa de forçar a resistência à rendição, embora ela fosse finalmente resgatada por Harry Potter e Ronald Weasley.

Luna casou com Rolf Scamander, também naturalista, neto do famoso escritor Newt Scamander. Luna teve dois filhos: os gêmeos Lorcan e Lysander.
Nós sabemos quase tudo o que há para saber sobre Harry, Ron e Hermione, mas e sobre essas amizades que não vimos o suficiente?

Texto: Pottermore (link original) | Tradução: Vitória Cotias
Hogwarts era um lugar cheio até a borda com diferentes grupos de amigos, todos reunidos pela magia. Mas nós apenas arranhamos a superfície da quantidade que vimos, então identificamos alguns de nossos favoritos que gostaríamos de ter visto mais nos bastidores.

Parvati e Padma Patil e Lilá Brown


Nós conhecemos os detalhes dos garotos grifinórios - nós sabemos do amor de Dino Thomas pelo West Ham e vemos os garotos interagindo o tempo todo - mas a maldição da narrativa em terceira pessoa que seguia Harry significa que não tivemos a mesma percepção do dormitório das meninas. Na verdade, as escadas se transformaram em um escorregador, se um menino ousasse tentar subir ali...

Lilá Brown e Parvati Patil são grandes amigas nos livros, e só ouvimos falar delas quando serviram ao enredo principal, como quando Lilá namorou Rony, e as Patils compareceram ao Baile de Inverno com Harry e Rony.

As amizades femininas não costumavam estar em primeiro plano em Harry Potter, então, ver a pequena gangue de duas Grifinórias e uma Corvinal não só mostraria as garotas tendo algum tempo para brilhar, mas também destacaria os benefícios das amizades entre as casas. E nós amaríamos ter visto mais da reação de Parvati ao amor súbito de Lilá de 'Won-Won'.

O grupo de quadribol da Grifinória

© JKR / Pottermore Ltd. ™ Warner Bros.

Uma das outras amizades que gostaríamos de ver é a das três artilheiras da Grifinória. Alicia Spinnet, Angelina Johnson e Katie Bell claramente trabalharam bem juntas. Elas estavam em sincronia em campo, e com Angelina e Alicia no mesmo ano, e Katie apenas um ano mais nova que eles, as três garotas teriam sido, sem dúvida, amigas fora do campo também.

Antes de Alicia e Angelina saírem em Harry Potter e a Ordem da Fênix, mais insight sobre a amizade do trio sem dúvida nos mostraria um pouco de tática, tirando o microfone de Oliver Wood para seus discursos superiores e regime de treinamento pesado - e depois para Angelina fazendo exatamente a mesma coisa! Elas teriam fofocado sobre os gêmeos, e a probabilidade de sua amizade ser solidificada além de Hogwarts é alta. Além disso, elas pareciam muito legais.

Os três chegaram juntos para a Batalha de Hogwarts (junto com Oliver Wood), então é legal pensar que sobrevivendo, eles continuaram sendo amigos.

Blaise Zabini e seu grupo "descolados" da Sonserina


Cada escola tem uma coleção de "crianças legais" que acham que são populares. Isso, para nós, é Blaise Zabini e seu grupo de 'Sonserinos Descolados'. Incluindo os gostos de Pansy Parkinson e Emilia Bulstrode (além de seu gato, obviamente), gostaríamos de ter visto mais 'outros' Sonserinos no ano letivo de Harry - em uma espécie de curiosidade mórbida. Nós vimos Draco, Crabbe e Goyle constantemente, é claro, mas Blaise e companhia pareciam igualmente desagradáveis.

Gangue de fofoca da Lufa-Lufa de Ernie


Assim como todas as outras escolas, Hogwarts também tinha seus pequenos grupos de amizade que passavam o tempo conversando e fofocando uns com os outros em cantos obscuros. Como um adversário menor para Harry e seus amigos, Ernie Macmillan (geralmente com Justino Finch-Fletchley e uma vizinha Hannah Abbott) não era o maior fã do Eleito e gostava de fazer um ou outro comentário afiado.

Claro, eles não eram exatamente gentis para Harry, o que era bastante injusto, mas nós gostaríamos de ser uma mosca na parede quando Ernie e sua turma entravam no modo de fofoca - só para ver o quão ruim ficavam. E eles não eram de todo terríveis. Na Batalha de Hogwarts, eles estavam lá para fazer sua parte, no final do dia.

Os irmãos Creevey


Quando Colin Creevey entra em Hogwarts, durante o segundo ano de Harry, ele parece estar em toda parte; tirando fotos, geralmente ficando no caminho e depois sendo tragicamente petrificado pelo basilisco.

Quando seu irmão Dennis (que parecia ser uma cópia em carbono igualmente excitável de seu irmão mais velho) começou a estudar, a dupla fazia atividades junta, como ficar muito excitados com a lula gigante. Colin tendo uma versão em miniatura de si mesmo era perfeito, e nós amamos ver os irmãos tentando desafortunadamente emendar aqueles 'Potter Fede' em emblemas 'Potter Realmente Fede'.

Nós desejávamos que pudéssemos ter visto mais de sua tolice fraternal.

Os professores de Hogwarts


Sabemos que vimos muito os professores de Hogwarts realmente ensinando... , mas estamos falando sobre suas amizades fora da sala de aula, aquelas grandes conversas que devem ter tido na sala dos professores.

Imagine a Professora McGonagall deixando escapar sobre Dolores Umbridge para o Professor Flitwick e para a Professora Sprout. Imagine as fofocas sempre que um novo professor de Defesa Contra as Artes das Trevas entravam. Imagine Dumbledore e McGonagall compartilhando um uísque de fogo, colocando o mundo em risco…

Quais amizades de Hogwarts você gostaria de ter visto mais?
É possível definir Snape como um personagem bom ou mau? Ou ele simplesmente é complicado demais ?
    
Texto: Pottermore (texto original) | Tradução: Clara Monnerat
Para os simpatizantes de Snape, ele era um ambicioso e astuto herói da Sonserina com um final trágico. Para aqueles que simplesmente nunca podem perdoá-lo, Snape era um professor desnecessariamente cruel que queria tornar a vida de todo mundo tão miserável quanto a dele próprio. Lógico que é uma pergunta pertinente e importante: Snape era um homem do bem ou do mal? Isso é algo que pode ser determinado? Provavelmente não mas vamos analisar uma das figuras mais controversas do mundo bruxo.

Ele desprezou Harry à primeira vista

Severus Snape. © JKR/Pottermore Ltd.™ Warner Bros.
                 

Quando conhecemos Snape pela primeira vez, ele era um vilão pantomima, com seu nariz aquilino e seu cabelo seboso. Sabemos que Snape detestava Harry porque ele o fazia lembrar-se de James, seu valentão de infância, embora Harry não tivesse feito nada para ganhar o desdém de Snape. Como Dumbledore ressaltou uma vez, a personalidade de Harry era bem mais parecida com a de sua mãe mas mesmo assim, Snape só enxergava o que queria enxergar - e por alguma razão, era um garoto arrogante e presunçoso de 11 anos. Como tal, Snape era uma fonte constante de miséria na vida de Harry e já que Hogwarts era para ser um refúgio para O Menino que Sobreviveu depois de sua infância com os Dursley,  não temos certeza se podemos perdoá-lo em um piscar de olhos. Tendo dito isso...

Ele foi forçado a cuidar da cópia decalcada de seu valentão de infância
          

Apenas imagine que, por um momento, que você se comprometeu a passar mais de uma década cuidando do filho de uma pessoa que fez da sua vida um inferno. E não apenas isso mas a criança em questão, é a cópia dessa pessoa. Seria difícil não ter um certo prazer vê-la ir mal na aula de Poções, não é mesmo ? 

¨ O escritório se dissolveu mas se reformou instantaneamente. Snape estava andando pra cima e pra baixo em frente de Dumbledore:
"Medíocre e arrogante como o seu pai, um quebrador de regras, deleitando-se em se achar famoso, inpertinente."
"Você vê o que você quer ver Severus", disse Dumbledore, sem tirar os olhos de uma copia do Transfiguração Hoje. "Outros professores dizem que o garoto é modesto, amável e razoavelmente talentoso. Pessoalmente, eu acho ele uma criança encantadora."
(Harry Potter e as Relíquias da Morte)

Ele era cruel com Hermione e Neville sem motivo



Digamos que entendemos e aceitamos porque Snape tratava Harry como resíduo do pó de Bubotúbera enquanto lecionava em Hogwarts. Entretanto, não havia desculpa para ele ser tão cruel com o pobre Neville. E até mesmo Hermione recebeu uma observação terrível quando Snape chamou uma adolescente ambiciosa e inteligente de "insuportável sabe-tudo."

Mas Neville parecia aguentar as consequências do desdém de Snape quando ele não estava ocupado com Harry e seu amigo. Neville pode não ter sido o mais apto em Poções do primeiro ano mas qual de nós nunca errou os ingredientes enquanto cozinhava e obteve resultados decepcionantes?  Neville precisava de ajuda, não ser constantemente repreendido. E pior-Snape até mesmo ameaçou a vida de Trevor, o sapo! 

O medo de Snape que Neville tinha era tão grande que seu Bicho-Papão assumiu a forma dele e é bem desconcertante que o pior medo de uma criança seja um de seus professores. 

Entretanto, como isso é um debate, iremos dizer isso. já que Neville também poderia ter sido o alvo da profecia que eventualmente levaria à morte de Lílian Potter, faria sentido se Snape o detestasse tanto quanto Harry por causa disso.  Porque se a profecia tivesse sido interpretada que descrevia Neville, Lílian teria vivido. 

...Mas enfim. É um avanço. E também: Trevor!

Ele era um produto de sua criação
  


Apesar de não sabermos muito sobre a vida doméstica de Snape. ele certamente veio de uma família fragmentada. Nas memórias de Lílian que Harry observa na Penseira, ele não parece particularmente alegre quando Lílian pergunta sobre seus pais e Snape brevemente menciona como eles tem discutido.  Há outra observação tensa feita sobre o pai Trouxa de Snape, que aparentemente não gosta muito de nada.

Sendo assim, Hogwarts deveria ser o lugar onde Snape poderia ter um novo começo. Como um aluno particularmente talentoso, ele deveria ter se dado bem na escola bruxa mas não o fez e foi tudo porque Sirius e James o escolheram como alvo desde o primeiro dia.  Como alguém não poderia ficar amargurado pela perda insubstituível de felicidade e possibilidades graças à uma dupla de quebradores de regra populares da Grifinória? 

Seu amor por Lílian

© JKR/Pottermore Ltd.™ Warner Bros.

Possivelmente o único ponto resgatável de Snape era seu amor e devoção infinito por Lílian Potter. A amizade deles eram uma das coisas mais importantes da vida dele e o destruía ver seu inimigo correr atrás dela também. Lógico, eventualmente foi o declínio de Snape para as Artes das Trevas e sua admiração por Voldemort que levaram Lílian a dar-lhe as costas de uma vez por todas.  Depois da morte dela, pela qual ele se sentiu responsável, ele dedicou o resto de sua vida para proteger o único filho dela. O quê poderia ser mais heroico e auto-sacrificial do que isso? Um ponto para o time Snape!  Ah mas... 

 Ele teria deixado James e Harry morrerem 

Já que isso não aconteceu, é difícil dizer com certeza mas quando Snape percebeu que ele tinha acidentalmente contado à Voldemort sobre a profecia sobre Harry e sabendo que ele pretendia matar a família, correu para Dumbledore... apenas para salvar Lílian. Como Dumbledore ressaltou, ele teria ficado bem feliz de deixar Voldemort ir atrás dos seus inimigos, contanto que a mulher que ele amava fosse protegida. O que, devemos dizer, é ter "Luna fazendo a narração do jogo de Quadribol" de jogadas ruins. 

"E se ela significa tanto para você", disse Dumbledore," talvez Lord Voldemort a pouparia para você?"
"Você não poderia pedir em favor da mãe, em troca do filho?"
"Eu pedi, eu pedi."
"Você me enoja", disse Dumbledore, e Harry nunca havia ouvido tanto desgosto em sua voz. Snape pareceu se encolher um pouco, você não se importa então com as morte do marido e do filho dela? Eles podem morrer se você conseguir o que você quer?
Snape não disse nada, ele apenas olhou para Dumbledore.
Esconda todos eles então ele choramingou. Mantenha ela, eles a salvo por favor." (Harry Potter e as Relíquias da Morte)

Há muito mais que pode ser dito sobre o anti-heroísmo de Snape, seus erros terríveis, sua personalidade antagonística. Lógico que ele eventualmente acabou sendo o homem de Dumbledore e passou seus anos finais lutando pela causa certa. Ele ficou revoltado quando descobriu que o próprio Harry teve que morrer para derrotar Voldemort, depois de passar anos protegendo-o mas mesmo assim ensinava Poções de uma maneira cruel, humilhante e dominadora. 

Então teria como você definir Snape como bom ou ruim? 

Bem, como você talvez tenha adivinhado, a resposta para isso nunca será simples. Desculpe ser um estraga-prazeres mas você sabia que nunca poderíamos classificar Snape. Temos certeza de que todos vocês tem suas próprias opiniões sobre as ações dele mas achamos que a verdadeira resposta é que ninguém é inteiramente bom ou ruim no final; apenas feitos de diferentes nuances. Snape fez coisas terríveis e coisas incríveis: ambas as afirmações são verdadeiras ao mesmo tempo. Essa é a questão sobre Snape - ele era quase impossível de classificar,  o que torna seu personagem um triunfo e um personagem que ainda estamos debatendo mais de vinte anos depois.

Então deixaremos que você se decida em relação à Snape mas oriente-se por essas palavras proferidas por Sirius Black em A Ordem da Fênix: "Todos nós temos luz e trevas dentro de nós. O que nos define é o lado em que escolhemos agir. Esse é quem realmente somos."

Enquanto todos comemoram hoje o Dia dos Reis e desmontam suas arvores e enfeites de Natal, na casa do ator e dublador Charles Emmanuel é dia de festa, pois o talentoso e jovem dublador está completando hoje, seus 30 anos.

Charles nasceu no Rio de Janeiro e fez a voz de Rony desde o primeiro filme da saga, acompanhando literalmente o crescimento desse personagem tão adorado pelos fãs. 

Se você acredita que não conhece o carioca Charles, você se engana, pois com certeza já ouviu sua voz na série mais amada do mundo, 'Harry Potter', dublando o personagem Rony Weasley, em animações Disney como “A Família do Futuro” (Wilbur Robinson), “Peter Pan” (João), “Como Viajar Com o Mala do Seu Pai” (Scooter), a nova temporada de “Kim Possible” (Ron) e o seriado de sucesso “Phineas & Ferb” (Jeremy). Vale lembrar, que ele já participou na Rede Globo de programas como “Bambuluá“, interpretando o personagem Escova.

Charles também já dublou personagens como Mutano em "Os Jovens Titãs", Micky em "Isa TKM", Near em "Death Note", Fogell/McLovin em "Superbad - É Hoje", Ben Tennyson em "Ben 10", entre muitos outros.

Em nome de toda a equipe do AccioNews desejamos um FELIZ ANIVERSÁRIO para você, Charles Emmanuel e que todos os seus sonhos se realizem nessa data especial, para você continuar fazendo esse excelente trabalho!