Neville Longbottom

0 Comments

Neville Longbottom, filho de Frank e Alice Longbottom, que assim como os Potter, sobreviveram a três encontros com o Lorde das Trevas, não tendo tido sorte logo após, sendo torturados até a insanidade por Belatriz Lestrange e Bartô Crouch Júnior. 

Após essa "tragédia", Neville passou a ser criado por sua exigente vó, Augusta Longbotton. Possuindo um Sangue totalmente puro, se mostra incapaz de demonstrar esse feito cada vez mais raro nos primeiros anos da série.

Aquele meninho do "Lembrol", totalmente desmemoriado, conseguiu sair dessa situação, se tornando um exemplo de coragem e lealdade, mostrada com precisão no último livro da Saga. 

Neville começa seu destaque, após a Ordem da Fênix, sendo um dos membros mais ativos, dedicados e esforçados da Armada de Dumbledore. Sua força e dedicação em tentar aprender até os 
menores feitiços, deixaram Harry admirado.

Mas, nisso tudo, Harry já sabia, que aquele menino com as bochechas rosas e gordinho, poderia estar em seu lugar. A tão famosa Profecia que se refere á Harry e Voldemort, poderia ter atingido outro alvo, sendo Neville e Voldemort. Isso se dá ao fato, de Neville ter nascido no mesmo dia que Harry, e de seus pais, Frank e Alice, terem enfrentado Voldemort três vezes e sobrevivido. Mas, isso não ocorreu, pois Voldemort foi atrás do menino que, em sua mente, tinha maior probabilidade de ser seu rival. Será que se fosse o contrário, Neville poderia sobreviver tantas vezes, assim como Harry? Nos primeiros anos, creio que não, mas após o 5º ano em Hogwarts, certamente que poderia.

No começo de 1996, Neville tem seu primeiro notável acontecimento: A ida, juntamente, com outros 5 membros da Armada de Dumbledore ( Harry, Rony, Hermione, Gina e Luna ), ao tão sombrio 
Departamento de Mistérios, localizado no Ministério da Magia. Lá, ele testa suas habilidades e se
depara cara-a-cara com a mulher que levou seus pais a insanidade, Belatriz. Após todos os jovens combatentes abatidos, Neville não se deixou abalar, e continou com Harry até a chegada dos membros da Ordem da Fênix. Apesar, de ter sido o responsável pela quebra da Profécia, conseguiu provar, que por trás de seu coração medroso, existia um Bravo Jovem querendo justiça. 

Enquanto, Harry, Rony e Hermione, largam Hogwarts, em Relíquias da Morte, Neville, juntamente com Gina e Luna, foi um dos maiores repressores ao Regime das Trevas, feito por Hogwarts e seus Comensais. Incitando outros alunos á fazerem o mesmo, tentava á todo custo, reunir novamente a Armada de Dumbledore e começar uma verdadeira Revolução contra os Tiranos. 

Neville provou seu valor máximo, no fim desse mesmo livro, em um momento onde tudo parecia perdido, com Harry considerado como "morto", ele enfrentou boca-a-boca Voldemort, pagando assim com o Chapéu Seletor em brasas em sua cabeça. Mas, o que Voldemort bem pensava em saber, era que aquele jovem revolucionário, era de fato, um verdadeiro Grifinório, tendo a oportunidade nessas horas em que tudo parecia perdido, de retitar a espada de Gryffindor de dentro do Chapéu em Brasas e destruir a última Horcrux restante, a cobra Nagini.

Neville Longbottom, de mero secundário, a um dos mais importantes. O verdadeiro, "Tolo Maravilha", aquele que provou seu maior valor, lealdade e caráter nos tempos mais sombrios e aterrorizantes.

Vale lembrar que Neville, após anos, depois da escola, se casou com a personagem Ana Abbot e
se tornou Professor de Herbológia na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.


Tecnologia do Blogger.